segunda-feira, 9 de abril de 2018

Belivaldo Chagas Silva


Publicado originalmente no site do Jornal do Dia, em 08/04/2018

Quem é o novo governador

Belivaldo Chagas Silva é natural do município de Simão Dias, nasceu no dia 19 de abril de 1960. Filho de Maria Belizana Silva e Arivaldo Chagas Silva (in memorian). Graduado em Direito pela Universidade Tiradentes. É Defensor Público aposentado do Estado de Sergipe.

Atuou como Oficial Administrativo da Secretaria de Estado da Educação; Diretor-Presidente dos Serviços Gráficos de Sergipe - SEGRASE; Secretário de Estado de Articulação com os Municípios; Coordenador Geral do Projeto Nordeste - PRONESE; Secretário de Estado de Desenvolvimento Municipal de Aracaju; Secretário Extraordinário de Relações Institucionais e de Articulação Política do Município de Aracaju; Secretário de Estado da Educação; Vice-Presidente do Conselho Nacional de Secretários de Estado da Educação - CONSED e Secretário de Estado-Chefe da Casa Civil.

Foi deputado estadual por quatro mandatos, destes, desenvolveu suas atividades parlamentares como 4º e 1º Secretário, participando também, das comissões da Casa Legislativa. No executivo, Vice-Governador do Estado de Sergipe ao lado de Marcelo Déda e recente com Jackson Barreto.

Texto e imagem reproduzidos do site: jornaldodiase.com.br

sábado, 10 de março de 2018

Sílvio Renato Garcez com Ludwig Oliveira

Sílvio Renato Garcez com Ludwig Oliveira, ladeados por duas amigas, na Associação 
Atlética de Sergipe, em um encontro com os ouvintes do 'Programa Bom Domingo', 
da Rádio Jornal de Sergipe (Foto de 2003 - Reproduzida do Facebook/Ludwig oliveira).

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

domingo, 26 de novembro de 2017

Vladimir Souza Carvalho

Vladimir Souza Carvalho

Nascido na cidade de Itabaiana/SE, Vladimir Carvalho ocupa a Cadeira 25 da Academia Sergipana de Letras e já conta com mais de 20 obras publicadas. Ele é o contista de ‘Quando as cabras dão leite’ (1971), ‘Mulungu Desfolhado’ (1995), ‘Água de Cabaça’ (2003) e ‘Feijão de Cego’ (2009), entre outros; o historiador de ‘Santas Almas de Itabaiana Grande’ (1973), ‘A República Velha em Itabaiana’ (2000) e ‘Vila de Santo Antônio de Itabaiana’ (2009); o folclorista de ‘O Caxangá na História de Itabaiana’ (1976), ‘Apelidos em Itabaiana’ (1995) e ‘Adivinhas Sergipanas’ (1999); o poeta de ‘Sinal Verde, Trânsito Vermelho’ (1972); e o polemizador de ‘Dom Casmurro: a história que Machado de Assis não contou’ (2014). No prelo, tem ‘Crônicas da Infância Vivida’, ‘Crônicas da Vida e da Morte Corriqueiras’ e ‘Crônicas da Faculdade ao Tribunal’, além do livro de história municipal ‘Euclides Paes Mendonça na História de Itabaiana’.

O desembargador também é autor de uma das mais importantes obras jurídicas do país, ‘Competência da Justiça Federal’ (1990), que, até hoje, é manuseada por gerações de estudantes e profissionais do Direito. Sobre essa área, ele ainda escreveu ‘Da Justiça Federal e suas Competências’ (1980), ‘Manual de Judicatura Aplicada’ (1993), ‘Manual de Competência da Justiça Federal’ (2010) e ‘Ilegalidade e Inconstitucionalidade do Exame de Ordem’ (2011). Carvalho foi, ainda, um dos fundadores e principais redatores do jornal ‘O Serrano’, de Itabaiana, e colaborador de diversos jornais de Aracaju, como Diário de Aracaju, Jornal da Cidade, Gazeta de Sergipe e Jornal da Manhã e do Diário de Pernambuco, no Recife. Atualmente, a cada 15 dias, colabora com uma coluna nos jornais Correio de Sergipe, em Aracaju, e Folha de Pernambuco, em Recife.

Texto e imagem reproduzidos do site: ajn1.com.br

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Renato Conde Garcia



Renato Conde Garcia é graduado pela Escola Politécnica da Bahia, especialista em Estrutura de Concreto Armado, com Suficiência Investigativa em Administração pela Universidade de Valladolid/Espanha. Ele é de Aracaju e já exerceu a condução de grandes projetos do Estado, a exemplo das Adutoras do São Francisco, do Porto de Sergipe e do Polo Cloroquímico. Casado com a professora da UFS Ana Rosimere, tem dois filhos e morre de amores pelo Centro Hípico Atlântico, um espaço de 25 mil metros quadrados na Rodovia dos Náufragos, na Aruana, onde guarda cavalos raros e recebe quase 100 alunos que variam de dois a 72 anos...

Texto e imagens reproduzidos do site: jlpolitica.com.br
De: Jozailto Lima.

terça-feira, 12 de setembro de 2017

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Severo D'Acelino

Severo D'Acelino, militante do Movimento Negro e 
Coordenador Geral da Casa de Cultura Afro Sergipana.
Foto reproduzida da Fan Page/Facebook/Assembleia Legislativa de Sergipe.